quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Uma pedra

Vou contar pra vocês: discutir com o Maridão é uma tarefa árdua. A pessoa é teimosa ao extremo (e eu também sou). O problema é que ele não está disposto a mover nem um centímetro de suas convicções e sempre fecha uma discussão com "cada um tem suas crenças" ( no sentido de cada um ter uma opinião e não precisar abdicar dela jamais).

Tudo bem, reconheço que ninguém deve ser obrigado a mudar de ideia. Mas quando se vive com pessoas ao redor, não dá pra gente simplesmente defender nossa ideia e não abrir mão dela em prol de outra melhor, mesmo que ela pareça irracional e acabe trazendo prejuízos para a vida dos outros e para a gente mesmo. As vezes é preciso chegar num consenso e, para isso, é preciso que se abra mão do que se pensa e aceitar a ideia alheia algumas vezes, ou mesmo encontrar uma nova ideia, divergente das ideias iniciais, que esteja em maior harmonia com o que a situação exige.

Sou teimoso mesmo? Sim, claro! Não nego! Mas sempre dou uma abertura pra outra pessoa me convencer que tem uma ideia melhor que a minha e, se eu for convencido, a teimosia para por ali. Porque se a danadinha da teimosia continuasse seria burrice. E não há nada que eu deteste mais que sofrer pela burrice. Pela minha e pela a alheia...

Como já indicava o marcador no início dessa postagem, era mais pra desabafar mesmo. Não se preocupem que não tem nada de grave acontecendo. Voltemos então com nossa programação normal...

22 comentários:

  1. Rsrrsr... voltemos então à nossa programação normal.
    Beijos CCNN

    ResponderExcluir
  2. vou torcer para que se entendam! mais paciência a ambos...e muita conversa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, já havíamos nos entendido já. O que eu precisava era só desabafar e seguir em frente...

      Obrigado e mais uma vez, seja bem-vindo!

      Excluir
  3. Ah, isso é normal! Chato seria se não houvesse divergência de opiniões!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. ah! não se apoquente ... isto faz parte querido ... digo isto de cadeira ... 38 anos nesta labuta ... mas entre mortos e feridos, todos se salvam ... no máximo ficamos aborrecidos por alguns instantes mas tudo passa ... rs

    bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade... Obrigado por ter "ouvidos" de paciência comigo!

      Excluir
  5. Fiquei curioso...

    #Afofoqueira

    kkkk

    E também quanto ao grau de abertura que vc dá ( ui ! )...

    :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não foi nada não. Bobagem... Tanto é que eu nem lembro mais...

      Excluir
  6. ah, eu sei q vc é teimoso! ah se sei!
    hauahauahaua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, tenho um amigo que me conhece bem... hehehehehe

      Excluir
  7. Kai e eu somos teimosos... evitamos discutir... qdo discutimos é sinal de 3ª guerra mundial e greve de sexo. Aprendi a manipulá-lo, sai melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Huahuahauahauhauahauhau... Vou anotar suas dicas... huahauahuaha

      Excluir
  8. Sei bem como é.. E nesse sentido somos bem parecidos, tb me abro a mudar de ideia, mas em geral sou bem argumentativo e a tarefa não é fácil, mas que me abro não há dúvida....

    Dia desses eu estava falando com o calopsita que existem três tipos de sacrifício que faço por ele... O que eu concordo e entendo o lado dele; O que eu não concordo, mas entendo o lado dele; e os que eu nem concordo e nem entendo.

    E naturalmente a maioria dos sacrifícios faço na primeira opção, pk se ficar muito nas duas últimas vou estar potencialmente me desgastando mais do que normalmente suporto e a longo prazo isso pode levar pra um caminho bem desagradável.. Sacrifícios são possíveis, o que eu não posso é viver uma relação de sacrifícios contantes e feito apenas por mim.... É o que eu sempre falo.. Posso abrir de uma refeição por vc, o que não posso é parar de comer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na mosca, Gato! Vc sempre chega no ponto, né, amigo? :D

      Excluir
  9. Eu como teimoso sei que não é fácil abrir mão das nossas ideias ou pensamentos, mas sempre é bom estar pelo menos disposto para ouvir algo de diferente do que pensamos.

    ResponderExcluir
  10. Eu me irrito muitíssimo quando alguém coloca em termos "de cada um tem direito a sua opinião" alguma coisa que não se trata de opinião, mas de fatos. É claro que cada um tem direito a ter sua opinião. Mas usar isso para esconder falta de argumentos, informações ou ideias erradas não me parece muito honesto intelectualmente...e isso me irrita profundamente.

    Beijo grande

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa! Outra que acertou em cheio! Exatamente o que eu quis dizer! É isso aí!

      Beijo grande!

      Excluir
  11. divergências vão acontecer. o que a gente tem que fazer é aceitar as diferenças de opinião do outro. se os dois pensarem assim, já ajuda a funcionar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, mas a gente pensa assim, railer. Só tem hora que eu fico de cabeça quente e escrevo pra desabafar. Depois passa e vejo que nem foi tanto assim...

      Abração!

      Excluir

Related Posts with Thumbnails