segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Reação à crítica

Eu já devo ter dito isso por aqui, mas repito: amo andar de bike. Gosto da sensação de liberdade, o vento no meu rosto, o sangue correndo em minhas veias... Me sinto vivo como nunca!

Num dia, indo para o trabalho, estava subindo um dos morros de BH empurando meu amado veículo de tração animal (geralmente é um Leão que pedala, mas nesse morro não dava) quando passou um cara num carro, gritando: "Vamos pedalar! Deixa de preguiça!". Passou pela minha cabeça dizer: "Deixa o carro em casa e anda de bike! Deixa de preguiça!". Deu vontade de ignorar e deixar aquele imbecil pra lá. Deu vontade de descobrir se era algum conhecido brincando comigo (não consegui identificar quem guiava o carro).

No fim, não realizei nenhuma dessas vontades. Eu apenas levantei minha mão com o dedo médio em riste.

24 comentários:

  1. Eita!

    Tá parecendo eu. Quer dizer: em partes.

    Adoro levantar o dedo para os engraçadinhos da rua (e como são muitos aqui na minha cidade). Principalmente quando estou no ponto do bus e um agroboy passa gritando: compra um carro.

    Oi?

    Mas andar de bike eu não curto muito.
    Traumas da época q papai me "ensinou" a pedalar.
    Aprendi só para q ele não falasse na minha cabeça.

    Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, gosto é gosto, não é? Uns amam bicicleta e outros detestam...

      Abraços!!

      Excluir
  2. simples assim ... dedo em riste bem a la Bratzlene ... #fato

    ResponderExcluir
  3. Até que achei muito singelo... eu sou um pouco mais contundente nessas situações. Sabe aquele gesto de segurar "com gosto" (tipo mão cheia) bem no estilo cafa, toda a "bagagem"?! Costuma funcionar... affe, só falta eu cuspir pro lado (kkkkkkk).

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cesinha, eu tb faço isso, mas o nível da minha raiva não era pra tanto. E fora que uma coisa mais blasé era indicada, então...

      Beijos!

      Excluir
  4. Bom demais, minha gente... Alivia a pessoa!!!!

    ResponderExcluir
  5. Hahaha! Eu num guento com essas coisas! Mas eu ignoro, senão jogo a jega no carro do porco preguiçoso motorizado infeliz. Mereço isso não, fala sério! ahauahauahau

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, depois do gesto aliviador, nem fiquei muito bolado não... rs

      Excluir
  6. hauhuaa Adoro...
    Poutz... faz tempo que não saio de bike, até porque tem alguns anos que dei minha super Caloi 10 Azul para um primo que estava precisando de uma bike.

    Acho que vou comprar um magrela...

    Em tempo... Só na fé hein para encarar essas ladeiras de Beaga em uma bike, cada vez que vou aí eu penso em levar equipamentos para escalada! kkk

    Abração!.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Latinha, é tudo questão de costume. Acho BH tranquila quanto aos morros. O problema mesmo é Ouro Preto! Lá é tenÇo!! rs

      Abração, querido!!

      Excluir
  7. Nossa! Acho andar de bicicleta algo tão vintage... hehehe! Acho que prefiro os ciclistas mesmo. Hahahaha! Hugz, bikêiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso foi um convite, Fred??? Entra na fila!! rs

      Abraços!!

      Excluir
  8. Respostas
    1. Sem dúvida, Foxx!

      Beijos, meu queridão!!

      Excluir
    2. Comprei uma bicicleta esses tempos , pra ir até a escola, e assim fazer um exercício, mas eu não conseguia voltar pedalando e tinha que passar boa parte empurrando na subida. Vendi, tenho saudade e vontade de pedalar, mas meu trabalho me toma boa parte da tarde a noite é perigoso e de manhã sou totalmente off.

      Excluir
  9. Ah, meu caro... já faz muito tempo que não entro em fila. Coisa de ser VIP... mas claro que vcs não entendem... rsrsrsrsrsrs! Hugz, guri!

    ResponderExcluir
  10. Nossa, eu prefiro andar a pé que de bike...

    Mas bike bêbado, na madrugada e com frio é bem divertido, me tras boas lembranças!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, eu fiquei curioso por essa história. Parece ser divertida e emocionante...

      Abraços!!

      Excluir
  11. hahahahaha....
    Desculpe, mas achei cômico seu relato...
    Admiro sua coragem de pedalar, ainda mais em BH cheio de morros...
    Eu detesto bike, apesar de que depois de 8 anos sem pedalar, ano passado andei no park uma vez e achei prazeroso, apesar de cansativo.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ro Fers, não se desculpe porque a intenção é ser cômico mesmo...


      Abraços

      Excluir

Related Posts with Thumbnails