quinta-feira, 26 de julho de 2012

Carta aberta a quem possa interessar

Oi. Você aí! É você mesmo que me reduz ao rótulo que você resolveu dar a mim...

Bom, eu não fui consultado nessa sua empreitada, não é? Não pedi pra você colocar uma etiqueta em mim, não foi? Então espero que saiba que essa é uma questão sua. Dar a mim uma classificação não é uma coisa ruim em si, porque a gente precisa mesmo de referências. Mas são as referências que você criou pra você e que vieram das suas observações sobre mim. Nesse trabalho, eu sou apenas um objeto! Não me responsabilize por isso! Não julgue com isso que quero fugir de nenhuma culpa. Quero, antes, alertar para o fato de que, se eu sou o modelo observado, quem escolhe o foco e a luz que vai iluminar a foto final é você. Você pode ter o melhor de mim, se quiser e se souber como conquistar.

E mais: eu não estou me preocupando com o fato de você se limitar a me ver apenas pelos óculos que você criou com essa etiqueta. Minhas noites sem sono são pelos MEUS problemas, não por você. A única pessoa que perde em querer me enxergar de uma forma simplificada é você! Você perde de se aventurar no meu universo inteiro e, como diz o Moska, "Eu me ofereço inteiro/E você se satisfaz com metade".

Se cada um ficar com a sua responsabilidade, a gente cresce junto e evita muito desgaste, ok?

Fique na paz!

14 comentários:

  1. Putz! Tenso isto!

    Relaxa e aproveita o Rio querido ...

    bjão

    ResponderExcluir
  2. PLAFT na cara de quem possa interessar!! :-)

    ResponderExcluir
  3. PLAFT na cara de quem possa interessar!! :-) [2]
    Abração!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai virar bordão esse comentário... rs

      Abração!

      Excluir
  4. PLAFT na cara de quem possa interessar!! :-) [3]

    ResponderExcluir
  5. Meu anjo... Abra bem a boca e dê um "urro" bem grande.... Depois, vire as costas e divirta-se.
    Beijos e abraços....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sempre faço isso, Margot!

      Beijos e abraços!

      Excluir
  6. Eu sinto que você está curtindo muito a vida nesse momento. Isso é que importa. Bjaum.

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails